Tesis doctorales de Economía


ESTUDO COMPARATIVO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DA INDÚSTRIA DA CERÂMICA DE REVESTIMENTO VIA ÚMIDA NO BRASIL E NA ESPANHA

Yolanda Vieira de Abreu



Esta página muestra parte del texto pero sin formato.
Puede bajarse la tesis completa en PDF comprimido ZIP (119 páginas, 722 kb) pulsando aquí

 

 

 

ÍNDICE

 

 

Nomenclatura
1. Introdução

2. Referencial teórico sobre indicadores de eficiência energética

2.1. Introdução

2.2. Tipos de Indicadores de Eficiência Energética

2.3. Os Indicadores de eficiência energética na indústria

2.4. Teoria econômica, desenvolvimento sustentável e indicadores de eficiência energética

3. Comparação e caracterização da indústria brasileira e espanhola de cerâmica para revestimento com processo de produção via úmida 

3.1. Processos de produção de cerâmica para revestimento

3.2. Panorama geral da indústria de cerâmica para revestimento no Brasil

3.3. Indústria de cerâmica para revestimento na Espanha

3.4. Posição da indústria de cerâmica para revestimento brasileira e espanhola no comércio exterior

3.5. Organização Industrial

4. Parâmetros para a construção de indicadores para a ICRVU

4.1. Etapas para a construção de um indicador de eficiência energética, adaptado à industria de cerâmica para revestimento via úmida (ICRVU) 

4.2. Descrição do processo de produção, via úmida, em sua totalidade

4.3. Descrição dos equipamentos que mais utilizam energia térmica ou elétrica

4.4. As fontes de energia mais utilizadas

5. Evolução do consumo de energia e a construção de indicador físico-termodinâmico para a energia térmica utilizada na ICRVU brasileira e espanhola 

5.1. Evolução do consumo de energia e os indicadores de eficiência energética

5.2. Indicadores físico-termodinâmicos de eficiência energética

5.3. Indicadores físico-termodinâmicos de eficiência energética para a energia elétrica consumida, pela ICRVU

6. Indicadores econômicos de eficiência energética para as energias térmica e elétrica das ICRVU brasileira e espanhola 

6.1. Indicador econômico-físico-termodinâmico de eficiência energética (IEFTEE ou Iecet) para energia térmica

6.2. Indicador econômico-físico-termodinâmico de eficiência energética (IEFTEE ou Iecee) para energia elétrica 

6.3. Algumas comparações entre o Iee e o Iec para a energia térmica e elétrica

7. Conclusões e sugestões para futuros estudos
Bibliografia
Anexo I: Dados sobre os combustíveis utilizados pela indústria espanhola de cerâmica via úmida
Anexo II: Características dos combustíveis
Anexo III: Tarifas do gás natural -1998 a 2002
Anexo IV: Conversão dos energéticos utilizados na ICRVU brasileira em equivalente em GN.
Anexo V: Evolução dos preços máximos de venda de gás natural para usos industriais 1998 a 2001
Anexo VI: Informativo ACER -2001


Grupo EUMEDNET de la Universidad de Málaga Mensajes cristianos

Venta, Reparación y Liberación de Teléfonos Móviles
Enciclopedia Virtual
Biblioteca Virtual
Servicios
 
Todo en eumed.net:

Congresos Internacionales


¿Qué son?
 ¿Cómo funcionan?

 

15 al 29 de
julio
X Congreso EUMEDNET sobre
Turismo y Desarrollo




Aún está a tiempo de inscribirse en el congreso como participante-espectador.


Próximos congresos

 

06 al 20 de
octubre
I Congreso EUMEDNET sobre
Políticas públicas ante la crisis de las commodities

10 al 25 de
noviembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Migración y Desarrollo

12 al 30 de
diciembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Economía y Cambio Climático

 

 

 

 

Encuentros de economia internacionales a traves de internet


Este sitio web está mantenido por el grupo de investigación eumednet con el apoyo de Servicios Académicos Internacionales S.C.

Volver a la página principal de eumednet