BIBLIOTECA VIRTUAL de Derecho, Economía y Ciencias Sociales

ENERGIA SOCIEDADE E MEIO AMBIENTE

Yolanda Vieira de Abreu y otros




Esta página muestra parte del texto pero sin formato.

Puede bajarse el libro completo en PDF comprimido ZIP (175 páginas, 1.74 Mb) pulsando aquí

 


CAPITULO IV. PANORAMA DA BIOMASSA FLORESTAL PRIMÁRIA NO BRASIL

Crislane Maria da Silva
Heloísa Rodrigues Nascimento
Yolanda Vieira de Abreu

RESUMO

Este artigo apresenta as possibilidades e o panorama de utilização da biomassa florestal para geração de energia no Brasil. A utilização da biomassa florestal é apoiada principalmente no uso direto de produtos tradicionais como carvão vegetal e a lenha, no entanto, o desenvolvimento de produtos como maior poder calorífico e melhores condições de armazenamento podem ser obtidos por meio da densificação de resíduos da biomassa florestal, originando produtos como pellets e briquetes. Outra possibilidade de conversões mais eficientes para uso indireto da biomassa é por meio das tecnologias de gaseificação, pirólise rápida e hidrólise lignocelulolítica, para obtenção de produtos de uso versátil e como maior valor agregado, como gás, bio-óleo e álcool. A diversificação de produtos oferece oportunidades para a utilização da biomassa florestal como fonte de energia limpa e renovável para o Brasil e ampliação dessas fontes na Matriz Energética Nacional. Representa um fator de inclusão social por possibilitar geração de renda e suprimento de demandas energéticas em comunidades isoladas do país.

Palavras-chaves: biomassa florestal, energia renovável, florestas plantadas.

4.1 - INTRODUÇÃO

Uma das primeiras utilizações da biomassa pelo homem para obtenção de energia foi com a descoberta do fogo. O domínio do fogo e o desenvolvimento de técnicas possibilitaram a melhoria das condições de vida da época propiciando o cozimento dos alimentos, a formação de fogueiras para iluminar e proteger de outros animais, a fundição de metais para construção de armas e outros objetos, preparação de cerâmicas, e artefatos diversos.

A Revolução Industrial marcou o auge da importância do uso da lenha nas siderúrgicas. Com o aparecimento da máquina a vapor, a biomassa passou a ter aplicações na indústria e nos transportes, mesmo com o início da exploração dos combustíveis fósseis, a lenha continuou desempenhando importante papel energético, principalmente nos países tropicais (RODRIGUES, 2005).

Com a crise do petróleo na década de 70, os países, as indústrias e a comunidade científica internacional voltaram-se para o desenvolvimento de novas fontes de energia ou antigas mais aprimoradas tecnologicamente, principalmente as renováveis. No Brasil, a energia de biomassa deverá ser uma das principais alternativas, com ênfase para a biomassa florestal destinada ao atendimento das demandas residenciais urbanas, rurais, do setor industrial, em especial a siderurgia, ressaltando a dependência da população de baixa renda do país por essa energia (GRAUER, 2001).

O Brasil se destaca neste cenário por ter sua matriz energética mais limpa, que a maioria dos países, uma vez que a participação de fontes de energias renováveis ser maior que as fontes não renováveis. Segundo dados do Balanço Energético Nacional de 2009, ano base 2008, 45,9% da oferta interna de energia (OIE) são oriundas de fontes de energia renovável, o que mostra a importância dos recursos renováveis na Matriz Energética Nacional. O Gráfico 4.1 apresenta a participação dessas fontes renováveis na OIE do Brasil, destacando-se 15,1% de participação da biomassa, ficando em terceiro lugar como fonte de energia utilizada no país.

Segundo o Balanço Energético Nacional no ano de 2008 a produção primária de lenha e carvão vegetal foi de 29.227 10³ tep. Por meio da tabela 1, observa-se que as fontes de energia renovável obtiveram maior crescimento em relação às fontes de energia não-renovável na oferta interna de energia do ano de 2007 para 2008. Dentre as fontes renováveis, a lenha e o carvão vegetal, produtos da biomassa florestal, representam 25,2% da oferta interna de energia no ano de 2008.

Observa-se que a biomassa tem-se destacado em terceiro lugar dentre as fontes de energia renovável utilizadas no Brasil, ressalta-se ainda que a lenha e o carvão vegetal, ambos derivados da biomassa florestal atualmente representam 25,2% da participação na oferta interna de energia.


Grupo EUMEDNET de la Universidad de Málaga Mensajes cristianos

Venta, Reparación y Liberación de Teléfonos Móviles
 
Todo en eumed.net:

Congresos Internacionales


¿Qué son?
 ¿Cómo funcionan?

 

15 al 29 de
julio
X Congreso EUMEDNET sobre
Turismo y Desarrollo




Aún está a tiempo de inscribirse en el congreso como participante-espectador.


Próximos congresos

 

06 al 20 de
octubre
I Congreso EUMEDNET sobre
Políticas públicas ante la crisis de las commodities

10 al 25 de
noviembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Migración y Desarrollo

12 al 30 de
diciembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Economía y Cambio Climático

 

 

 

 

Encuentros de economia internacionales a traves de internet


Este sitio web está mantenido por el grupo de investigación eumednet con el apoyo de Servicios Académicos Internacionales S.C.

Volver a la página principal de eumednet