El cooperativismo una alternativa de desarrollo a la globalización neoliberal para América Latina

CARLOS GOMES

GUERRAS E CONFLITOS

Com o modo de produção alimentar surgiram diversas contradições que originaram os primeiros conflitos. Estes já não são apenas de carácter acidental, mas resultantes do confronto com a economia recolectora ou a divisão social do trabalho.

Os povos caçadores, ainda na fase do modo de produção recolector, consideram que os animais vivos não pertencem a ninguém e que são seus os animais que acabaram de matar, destinados à sua comunidade. Pelo contrário, o grupo pastor considera seus os rebanhos que recriou com animais vivos e, bem assim, os pastos. Reputam os actos dos caçadores errantes como ataques contra os seus direitos e lutam para os defender. As armas para caçar estão tão aptas a matar animais como a matar homens. A defesa das áreas de pastoreio é também origem de conflitos com clãs ou outras tribos.

Uma situação idêntica acontece com os agricultores. Consideram possuir direitos sobre o território onde cultivam, onde crescem as plantas, as árvores de fruto e despontam as espigas. Os camponeses que semeiam aguardam vigilantes o momento das colheitas, não podendo permitir que outros tentem desfrutar do seu trabalho tão exaustivo. Repelirá pela força os que pretendam arrebatar os frutos ou grãos que semeou.

Os povos recolectores quando se esgotavam os meios de subsistência próximos dos seus acampamentos deslocavam-se para outras paragens onde encontrassem alimentos. A produção agrícola fixou as populações que ficaram dependentes dos resultados favoráveis ou desfavoráveis das suas culturas. Quando as suas colheitas são desastrosas, em consequência duma seca, duma cheia ou duma praga de insectos, os povos sujeitam-se a ter de enfrentar a fome, a atacar outras tribos ou a procurar alimentos em territórios ocupados por outros grupos.

Entre povos nómadas e povos sedentários travaram-se igualmente graves conflitos, em geral, originados pela fome. Após secas rigorosas, quando a erva desaparece e os animais principiavam a morrer, a sobrevivência era posta em causa, surgia a fome e, com ela, conflitos e ataques a outras comunidades.
 

Grupo EUMEDNET de la Universidad de Málaga Mensajes cristianos

Venta, Reparación y Liberación de Teléfonos Móviles
Enciclopedia Virtual
Economistas Diccionarios Presentaciones multimedia y vídeos Manual Economía
Biblioteca Virtual
Libros Gratis Tesis Doctorales Textos de autores clásicos y grandes economistas
Revistas
Contribuciones a la Economía, Revista Académica Virtual
Contribuciones a las Ciencias Sociales
Observatorio de la Economía Latinoamericana
Revista Caribeña de las Ciencias Sociales
Revista Atlante. Cuadernos de Educación
Otras revistas

Servicios
Publicar sus textos Tienda virtual del grupo Eumednet Congresos Académicos - Inscripción - Solicitar Actas - Organizar un Simposio Crear una revista Novedades - Suscribirse al Boletín de Novedades
 
Todo en eumed.net:
Eumed.net

Congresos Internacionales


¿Qué son?
 ¿Cómo funcionan?

 

15 al 29 de
julio
X Congreso EUMEDNET sobre
Turismo y Desarrollo




Aún está a tiempo de inscribirse en el congreso como participante-espectador.


Próximos congresos

 

06 al 20 de
octubre
I Congreso EUMEDNET sobre
Políticas públicas ante la crisis de las commodities

10 al 25 de
noviembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Migración y Desarrollo

12 al 30 de
diciembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Economía y Cambio Climático

 

 

 

 

Encuentros de economia internacionales a traves de internet


Este sitio web está mantenido por el grupo de investigación eumednet con el apoyo de Servicios Académicos Internacionales S.C.

Volver a la página principal de eumednet