O PROCESSO DE ENTRADA E PERMANÊNCIA DE ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE ENSINO SUPERIOR EM MACAPÁ

O PROCESSO DE ENTRADA E PERMANÊNCIA DE ESTUDANTES COM DEFICIÊNCIA NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE ENSINO SUPERIOR EM MACAPÁ

Christian De Lima Cardoso
Tatiani Da Silva Cardoso
Yuri Yanic
Roberto Carlos Amanajas Pena
(CV)
robertoamanajas@yahoo.com.br

Sinopsis

Este trabalho tem por finalidade investigar a problemática do processo de entrada e permanência de estudantes com deficiência nas instituições públicas de Ensino Superior em Macapá. Fez-se uma abordagem histórica com intuito de compreender o tratamento dispensado às pessoas com deficiência, evidenciando a trajetória da inclusão social de pessoas com deficiência no Brasil e no Estado do Amapá. Constatou-se como o conceito de deficiência esteve amarrado a duas abordagens: o modelo médico e o modelo sócio-cultural; consignando um retrato da realidade atual das tentativas de inclusão do estudante com deficiência nas instituições públicas de Ensino Superior em Macapá. Os métodos utilizados foram: pesquisa com os alunos com deficiência na educação superior na Universidade do Estado do Amapá (UEAP) e na Universidade Federal do Amapá (UNIFAP); estudo acerca do espaço físico dessas instituições, assim como uma abordagem com parte do corpo docente e técnico de seus respectivos núcleos de acessibilidade; consulta a normalização vigente; bem como, a livros e textos relacionados ao assunto.

Índice

Introdução
Unidade I - Trajetória histórica da inclusão social de pessoas com deficiência
1. Da antiguidade ao século XX
2. Trajetória histórica da inclusão social de pessoas com deficiência no Brasil
3.Trajetória histórica da política de educação inclusiva no estado do Amapá
Unidade II - Deficiência como produto da organização social
1. A normalização como fator cultural criador da condição de deficiência
2. Pessoas com deficiência: uma diversidade permeada pela mesma condição
Unidade III - Dados gerais da população com deficiência no brasil
1. O ingresso de pessoas com deficiência no ensino superior no Brasil
2. Alunos com deficiência na educação superior na universidade do estado do Amapá (UEAP)
2.1. Pesquisa etnográfica de caso individual realizada na UEAP
3. Alunos com deficiência na universidade federal do Amapá (UNIFAP)
3.1. Pesquisa etnográfica de caso individual realizada na UNIFAP
4. Consideraçoes
5. Referências
6. Anexos