BIBLIOTECA VIRTUAL de Derecho, Economía y Ciencias Sociales

ESTUDO SOBRE DETERMINAÇÃO DE PONTOS OTIMOS PARA LOCALIZAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DE USINAS DE BIODIESEL NO ESTADO DO TOCANTINS

Karyn Siebert Pinedo



Esta página muestra parte del texto pero sin formato.

Puede bajarse el libro completo en PDF comprimido ZIP (150 páginas, 3.31 Mb) pulsando aquí

 

 

CAPITULO IV: Elaboração dos cenários a partir dos resultados obtidos

Como resultado da aplicação do Modelo PLIM obteve-se 25 pontos ótimos para instalação das novas usinas. O mapa 4.1 mostra todos estes municípios inseridos no mapa do Estado do Tocantins para se ter noção de espaço e localização de cada um deles.

4.1. Principais pontos para instalação de usinas

Dos 25 pontos ótimos (municípios) apresentados pelo modelo matemático, somente os onze primeiros foram considerados como pontos ótimos para a implantação das usinas neste cenário. Tal determinação levou em consideração que estes propiciam um custo menor de instalação. No mapa 4.2, pode-se observar a localização dos que foram considerados, para este cenário.

4.2. Análise da distribuição da produção de biodiesel (Zona de Consumo)

A seguir, na tabela 4.1, pode-se observar os dez pontos ótimos (municípios) que têm potencial para o recebimento das novas usinas.

Outra observação é que cada usina estará pronta para produzir 10.000 mil litros por semana de biodiesel e vai abastecer a sua própria necessidade de consumo do produto (município onde a usina foi implantada) e de outras ao seu redor até completar a venda do total do produto ofertado.

A localização dos dez municípios (retirando Porto Nacional) que podem receber as novas usinas no Estado do Tocantins pode ser visto no mapa 4.3.

4.3. Construção de Cenários

Foram construídos três cenários possíveis, utilizando os dados obtidos depois da execução da função objetivo. 1) Em relação aos principais modais de transporte disponíveis no Estado do Tocantins; 2) Em relação às zonas de consumo; e por último o 3) Os cenários gerais e finais utilizando os resultados do primeiro e do segundo cenários e os primeiros pontos ótimos para instalação das usinas. Para a construção dos cenários foram relacionados como informação geral os traçados dos principais modais de transporte dentro do mapa do Estado do Tocantins e com os onze pontos ótimos inseridos no mesmo. Assim a figura, por si só, mostrou os municípios que estão mais perto dos principais modais.

4.3.1. Primeiro cenário: Em relação aos principais modais de transporte disponíveis no Estado do Tocantins

O primeiro será o do transporte rodoviário mostrando o traçado da Rodovia Transbrasiliana (BR-153), o segundo mostra o traçado da Hidrovia Tocantins-Araguaia e o terceiro apresenta o traçado da Ferrovia Norte-Sul.

a) Traçado Rodoviário BR-153

A rodovia federal BR-153 é um das principais vias de acesso ao Norte do Brasil (Estados do Tocantins, Maranhão, Pará e Amapá), além de Goiás e do Distrito Federal, com todas as demais regiões do país. Com isso, a BR-153 se torna uma das principais rodovias de ligação entre o Centro-Oeste e o Sudeste e o Norte do país com isso propiciando o maior movimento por essas rodovias.

No mapa 4.4 pode-se observar que alguns municípios como Gurupi, Guaraí, Araguaína estão situadas na margem de rodovias, e outros são interligadas a

BR-153 através das rodovias estaduais, as quais são a TO-050, TO-070, TO-255, TO-080, TO-010, TO-445, além da TO-342, que são as rodovias que ligam Palmas e Porto Nacional à BR-153 e aos demais municípios do interior do estado.

O mapa 4.4 mostra a localização dos onze pontos ótimos para a instalação das usinas, em relação às estradas no Estado do Tocantins.

b) Traçado da Hidrovia Tocantins-Araguaia

Os principais rios que atravessam ou cortam o Estado do Tocantins são: o rio Tocantins na parte oriental do Estado, e o rio Araguaia na parte ocidental do Estado. Outros rios navegáveis como os rios Sono, Palma e Melo Alves está situado na margem direita do rio Araguaia.

No mapa 4.5, pode-se observar que alguns municípios como Tupiratins e Porto Nacional ficam a margem do Rio Tocantins e a cidade de Caseará fica perto do Rio Araguaia.

c) Traçado da Ferrovia Norte-Sul

No mapa 4.6 pode-se observar que os municípios como Araguaína, Guaraí, Tupiratins e Porto Nacional estão em ponto estratégicos, encontram-se localizadas perto da rodovia e ferrovia. Esses municípios terão terminal de cargas o que auxilia no transporte de cargas.

A Ferrovia Norte-Sul – FNS é um projeto que contempla a construção de aproximadamente 2.100 km atravessando as regiões Centro-Oeste e Norte do País, conectando-se ao Norte com a Estrada de Ferro Carajás e ao Sul com a Ferrovia Centro Atlântico. Como a ferrovia esta em construção, neste trabalho foi considerada como se ela estivesse pronta para uso. Pois o objetivo desta pesquisa é que não seja implantado as usinas de imediato, mas em um período de tempo, onde a ferrovia também estaria avançando em sua construção.

4.3.1.1.Composição dos cenários de transporte

Os mapas 4.4; 4.5; 4.6, mostram os onze municípios (pontos ótimos) para instalação de usinas dentro do Estado do Tocantins.

Dentre os principais pontos de instalação, distribuição e recepção da matéria-prima, os municípios mostrados no quadro 4.1 demonstram que alguns poderão utilizar mais de um modal de transporte.

No quadro 4.1, pode-se conhecer os principais municípios, privilegiados, por estarem mais perto da infra-estrutura e dos modais de transporte. A cidade de Tupiratins conseguiria utilizar os três tipos de modais, portanto, teria flexibilidade na escolha dos modais de transporte e poderia minimizar seus custos tanto no recebimento de matéria-prima e insumos, quanto para escoamento do produto final.

O resultado da análise da função objetivo concluiu que Porto Nacional é um ponto ótimo, e destacou como primeira opção de instalação pelo seu baixo custo de implantação, no segundo lugar despontou Araguaína, no terceiro Guaraí, no oitavo lugar Tocantinópolis, em nono Caseara, no décimo Alvorada e no décimo primeiro Tupiratins. Os valores de instalação se encontram no final do capítulo precedente.

Lembrando que o modelo utilizado é baseado em uma abordagem de natureza dinâmica, por causa dos dados do IBGE, com isso as variáveis utilizadas para esse estudo, pode não ser a mesma daqui a alguns anos.


Grupo EUMEDNET de la Universidad de Málaga Mensajes cristianos

Venta, Reparación y Liberación de Teléfonos Móviles
 
Todo en eumed.net:

Congresos Internacionales


¿Qué son?
 ¿Cómo funcionan?

 

15 al 29 de
julio
X Congreso EUMEDNET sobre
Turismo y Desarrollo




Aún está a tiempo de inscribirse en el congreso como participante-espectador.


Próximos congresos

 

06 al 20 de
octubre
I Congreso EUMEDNET sobre
Políticas públicas ante la crisis de las commodities

10 al 25 de
noviembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Migración y Desarrollo

12 al 30 de
diciembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Economía y Cambio Climático

 

 

 

 

Encuentros de economia internacionales a traves de internet


Este sitio web está mantenido por el grupo de investigación eumednet con el apoyo de Servicios Académicos Internacionales S.C.

Volver a la página principal de eumednet