OS TRANSPORTES URBANOS EM CAMPINA GRANDE Considerações finais
BIBLIOTECA VIRTUAL de Derecho, Economía y Ciencias Sociales

 

ECONOMIA, POLÍTICA E SOCIEDADE

Luiz Gonzaga de Sousa

 

 

Esta página muestra parte del texto pero sin formato.

Puede bajarse el libro completo en PDF comprimido ZIP (209 páginas, 736 kb) pulsando aquí

 

 

 

 

OS TRANSPORTES URBANOS EM CAMPINA GRANDE

Considerações finais

 

Pelo exposto até o momento, podem-se tirar algumas conclusões de muita importância para uma correta política de transportes coletivos urbanos para o Município de Campina Grande. Numa primeira instância, vê-se claramente que o novo sistema de transportes coletivos urbanos não foi implantado depois de uma discussão prévia com toda a comunidade campinense, pois o que se deveria ter feito seria averiguar se o sistema velho estava servindo ou não ao povo; isto não foi feito e a comunidade só veio a saber deste novo sistema de transportes coletivos urbanos, quando a televisão anunciou a implantação desse grande trabalho da prefeitura.

Um segundo ponto de bastante significado para as decisões para a implantação de novas tarifas das passagens dos transportes coletivos urbanos, seria a obrigação de todas as empresas terem um sistema de custos implantado, pois nesta ótica, ter-se-ia um correto levantamento das despesas efetivadas pelos empresários e poder-se então determinar um preço justo ou quase justo aos transportes públicos urbanos. Da maneira como vem sendo calculada essa tarifa, o único perdedor é o trabalhador urbano que toma diversos transportes ao dia, mesmo sem condições de fazer tal pagamento. Sendo assim, o salário, que já é minguado, não tem condições de proporcionar uma vida melhor a si e a sua família.

Pelo exposto, pergunta-se: onde andam os movimentos comunitários que reivindicam melhorias para a comunidade e esta mesma população continua sacrificada cada vez mais, sem que os movimentos dos bairros digam uma só palavra de apoio a seus filhos, tendo em vista que muito se reivindicou um preço justo para os transportes públicos urbanos e nunca se foi ouvido, deve-se partir para uma decisão prática e certamente, as autoridades ficarão atentas aos movimentos comunitários que se imagina que lutam pêlos direitos dos cidadãos do Município. Decisão mais louvável seria uma greve geral da população aos transportes coletivos urbanos, a ponto de ninguém tomar ônibus nos seus traslados. Iria a pé, ou pegaria carona com quem de boa vontade cedesse.

Agindo assim, alguém saberá que o povo existe e não o tratará como indigente, pedinte das praças públicas. Nesta greve, far-se-ão piquetes nos pontos dos ônibus para que ninguém fure esse trabalho sério e que é preciso. Uma medida extrema, mas na medida do possível, ninguém fosse trabalhar para forçar uma discussão entre os comerciantes, industriais e banqueiros que são os prejudicados neste processo. Uma recuada na demanda por transportes coletivos urbanos forçaria uma queda nos lucros das empresas e eles voltariam a pensar nos seus tipos de reajuste praticado, que só atrapalha a vida do trabalhador que não possui automóveis. Pena que os movimentos comunitários não são sérios, a única coisa que fazem é pedir dinheiro nas lojas e aos amigos mais íntimos para seus dirigentes fazerem turismo no Sudeste do país.

Grupo EUMEDNET de la Universidad de Málaga Mensajes cristianos

Venta, Reparación y Liberación de Teléfonos Móviles
 
Todo en eumed.net:

Congresos Internacionales


¿Qué son?
 ¿Cómo funcionan?

 

15 al 29 de
julio
X Congreso EUMEDNET sobre
Turismo y Desarrollo




Aún está a tiempo de inscribirse en el congreso como participante-espectador.


Próximos congresos

 

06 al 20 de
octubre
I Congreso EUMEDNET sobre
Políticas públicas ante la crisis de las commodities

10 al 25 de
noviembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Migración y Desarrollo

12 al 30 de
diciembre
I Congreso EUMEDNET sobre
Economía y Cambio Climático

 

 

 

 

Encuentros de economia internacionales a traves de internet


Este sitio web está mantenido por el grupo de investigación eumednet con el apoyo de Servicios Académicos Internacionales S.C.

Volver a la página principal de eumednet